Enviar

Feira vai mostrar máquinas e equipamentos criados para agricultura familiar, diz coordenador

Publicado originalmente em 26.09.2005 por Agência Brasil

Keite Camacho

Repórter da Agência Brasil


Brasília - Além da produção de cerca de 500 expositores que devem participar da 2ª Feira Nacional da Agricultura Familiar e da Reforma Agrária, entre os dias 29 de setembro e 2 de outubro, serão mostrados protótipos de máquinas e equipamentos desenvolvidos por empresas e instituições brasileiras para o setor.

A informação é do coordenador geral da feira, José Adelmar Batista. Segundo ele, um dos protótipos é da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). "Ela desenvolveu uma pequena máquina para processar legumes e verduras, o que a gente chama na agroindústria de processamento mínimo. O outro é de uma empresa de Brasília, que desenvolveu uma máquina para desidratar frutas e pasteurizar leite em processo lento", adiantou.

Além desses, a Comissão Executiva da Lavoura Cacaueira (Ceplac), que é um órgão de assistência técnica dos produtores da Bahia, vai apresentar uma pequena máquina de produção de chocolate. "Eles têm uma pequena indústria, onde fazem pesquisa e desenvolvem produtos", explicou Batista.

O grupo de um assentamento localizado próximo ao município de Formosa (GO) vai mostrar o processamento da castanha de baru (fruto com amêndoa e polpa comestíveis característico de cerrados e matas em terrenos secos). "Eles vão apresentar o processo artesanal, como se quebra o caroço, se extrai a amêndoa, que é a castanha, como seca, torra, processa, envaza e traz para o mercado", afirmou. Segundo ele, além da demonstração do processo, os visitantes poderão degustar o produto.

Uma pesquisa do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), com a Embrapa, Universidade Nacional de Brasília (UNB) e Ministério de Ciência e Tecnologia (MCT), que permitiu o desenvolvimento de uma máquina para transformar óleo vegetal em biodiesel, também estará à mostra na feira.

Segundo Batista, os visitantes poderão observar partes do processamento da erva-mate e da cachaça. "Será montado um mini-alambique num destes protótipos", afirmou. A feira, promovida pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, contará também com programação cultural, que incluirá apresentações artísticas e mostras de cinema rural.(Keite Camacho)


Reprodução do conteúdo

Esta página foi publicada originalmente por Agência Brasil em 26.09.2005 e pode ser reproduzida livremente. Para isso, cite sempre sua fonte original e, se possível, coloque um link para o agregario.com. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo proveninente de outros sites.
Quem SomosPolítica de Privacidade