Enviar

Senad inicia amanhã curso sobre dependência química

Publicado originalmente em 16.06.2002 por Agência Brasil

Brasília, 16 (Agência Brasil - ABr) - A Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) lança, amanhã o curso Aspectos Básicos do Tratamento das Dependências Químicas. A ser realizado à distância, o curso será promovido pela Senad em parceria com a Fundação Zerbini, com o Grupo Interdisciplinar de Estudos do Álcool e Outras Drogas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP - Grea) e com a Escola do Futuro da Universidade de São Paulo (USP).

O evento acontece das 17h às 19h30 no Centro de Convenções Rebouças (Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 23 - próximo à Av. Paulista - SP) e contará com a presença do secretário Nacional Antidrogas, Paulo Roberto Uchôa, do reitor da USP, prof. dr. Adolpho José Melfi, do presidente da Fundação Zerbini, dr. Mário Gorla, do coordenador científico da Escola do

Futuro, prof. Dr Fredric M. Litto, além do presidente do conselho técnico adm. do Grea, prof. Dr. Arthur Guerra de Andrade e equipe envolvida no projeto.

O curso tem como objetivo capacitar profissionais que atuam nas Unidades Básicas de Saúde, Saúde Mental, DST/AIDS, Comunidades Terapêuticas, Centros Terapêuticos e Comunitários de Tratamento de Dependência Química, sobre os princípios básicos na área de tratamento das dependências químicas, possibilitando assim uma melhora na assistência no país. Esse primeiro curso é um projeto piloto. As 750 vagas foram preferencialmente distribuídas entre as quatro macro-regiões do Plano de Integração e Acompanhamento de Programas Sociais de Prevenção da Violência - Piaps: Grande São Paulo, Grande Rio de Janeiro, Grande Vitória e Grande Recife.

Além dessas macro-regiões, foi aberta a participação para todas as Coordenações Estaduais de Saúde Mental, os Conens, parceiros estratégicos da Senad, instituições cadastradas para

recebimento de subvenção social da Senad, Paraguai e as cidades envolvidas no Projeto de Fronteira.

O aluno poderá fazer o curso pelo site www.cursosenad.futuro.usp.br ou com material impresso (apostila) recebido via Correio. Por meio de um call center será possível tirar dúvidas - 0800 13 2626 e acompanhar o desenvolvimento no curso por tutoria. A duração será de cinco meses,

exigindo uma dedicação de seis horas semanais.

A previsão de término é novembro/2002. Ainda serão feitas três avaliações: pré-curso (para verificar o grau de conhecimento antes do curso), intermediária e pós-curso. Para receber o certificado de conclusão, será necessário um índice de 70% de acerto nas duas últimas avaliações.

O conteúdo do curso está dividido em dois blocos: módulo básico e módulo avançado. A Senad convidou mais de 40 especialistas da área (de diferentes instituições, formações e regiões brasileiras) para participar do conteúdo programático. Essa diversidade de autores possibilitou ao curso ter uma visão ampla e eclética do tema, abordando as diversas linhas correntes no país para o tratamento, sem eleger uma como soberana.

Dentre os assuntos que serão abordados estão: aspectos sócio-culturais, classificação das drogas e dos seus efeitos no organismo, diagnóstico, triagem e acolhimento, níveis de atenção, elaboração de programa terapêutico, diferentes modelos e abordagens do tratamento, equipe interdisciplinar, avaliação de tratamento, reinserção social, redução de danos entre outros. (IDM)

(RE)


Reprodução do conteúdo

Esta página foi publicada originalmente por Agência Brasil em 16.06.2002 e pode ser reproduzida livremente. Para isso, cite sempre sua fonte original e, se possível, coloque um link para o agregario.com. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo proveninente de outros sites.
Quem SomosPolítica de Privacidade